4 de janeiro de 2012

Obras de Miguel Ângelo Lupi

 Pintor romântico, retratista de mão-cheia, Miguel Ângelo Lupi poderia ter desenrolado seus dias e se aposentado como simples funcionário público, no mais singelo dos cargos dentro de uma repartição, o de amanuense, encarregado de copiar e registrar documentos.
     Pelo menos, assim desejavam seus pais, ele italiano e ela portuguesa, preconceituosos com relação a artistas, que consideravam de vida errante e ganho incerto.

Clique aqui e leia mais.













































Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou desta postagem? Deixe seu comentário. Há, também siga o A'Uwe.

Postar um comentário

.post img { max-width: 500px; /* Valor limite ajustado */ height: auto; }